Segunda-feira, 27 de Abril de 2009

As Mulheres na História da Arte

As Mulheres na História da Arte

 
 



Gosto muito deste vídeo.
Há passagens de uns quadros para os outros que são fantásticas.
Vale a pena perder estes dois minutos e 48 segundos para o ver todo.
:)


publicado por ana às 22:20

link do post | comentar | favorito

Metrologia | Medidas

 " Metrologia"

 ligação para dois locais de interesse sobre esta temática. Não deixem de visitar...

 

 

 


Assuntos do blog:

publicado por ana às 19:32

link do post | comentar | favorito

Visitas Virtuais

Visitas Virtuais

Tecnologia e Sociedade

 

Como é cada vez mais dificil fazer visitas de estudo para reforçar os conteúdos das aulas, nada melhor que fazer o possivel - visitas de estudo virtuais. Assim ficam alguns sites relevantes para a temática, nomeadamente no que diz respeito ao tratamento de residuos provocados pela evolução técnica e tecnológica do Homem e ainda a alguns centros de produção de produtos tecnológicos. Aproveitem os conteúdos dos sites disponibilizados para reforçar os conteúdos apreendidos na sala de aula.
 


 

Rebat
Lipor
Etar da Gelfa
Fábrica da Ferrari
Visita Virtual a uma Incineradora
Visita à Fábrica da BMW - Bavaria
Aterro Sanitário - Residouro
Leonardo da Vinci
Automóveis Antigos
Museu de Ciência e Tecnologia
Imersão na Ciência
Assuntos do blog:

publicado por ana às 19:29

link do post | comentar | favorito

Locais a Visitar

Deixo dois sites de interesse para os alunos do 7º ano. São eles:


 

 

Nesta ligação tenha particular atenção a dois espaços: " O Automóvel no Espaço e no Tempo" e "Comunicação do Conhecimento e da Imaginação";

Assuntos do blog:

publicado por ana às 19:28

link do post | comentar | favorito

Pilhas Artesanais


 

Numa altura em que vamos entrar na temática "Energias" deixo a sugestão de realizar uma experiência sobre Energia - fazer uma pilha artesanal, utilizando limões ou batatas...


 

 

Assuntos do blog:

publicado por ana às 19:26

link do post | comentar | favorito

ECO - Eficiência Energética


 

Fica a ligação para um site da EDP cheio de informação sobre Energia e Eficiência Energética. Não deixes de visitar e modificar comportamentos errados....

publicado por ana às 19:25

link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 15 de Abril de 2009

actividades

EXPERIMENTA

 

Fazer papel reciclado

 

Fazer objectos de papel

 

Desenhar e pintar no PAINT

 

Traçar sem tocar...

 

 

 

 

 

 

5º Ano

  • As cores aqui;

  • Linguagem e Comunicação Visual aqui

  • Geometria aqui;

6º Ano

  • Pintores (Palavras Cruzadas) aqui;

  • Materiais para desenho aqui;

Assuntos do blog:

publicado por ana às 13:03

link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 13 de Abril de 2009

25 Abril

 

 Pinta estes cravos.

Assuntos do blog:

publicado por ana às 22:01

link do post | comentar | favorito

Moinho de Vento

 Construir um Moinho de Vento em madeira

1. De uma folha de contraplacado de 4mm de espessura, corta 8 velas/ tiras (ou 10 para sobresselente) de 5cmx30cm cada (observa a imagem).

velas

 

2. Corta 1 círculo de madeira de 15cm de diâmetro e 1.5 de espessura. Desenha uma cruz que o divida em 4 partes iguais (90º) e depois em 8 secções iguais (45º). Faz um buraco de 4mm no centro do círculo.

No outro lado do círculo desenha as mesmas 8 secções desviadas 1.5cm para a direita. Faz com que as marcas das secções sejam visiveis na espessura do disco e une os pares opostos. O resultado serão 8 novas subdivisões desenhadas de um lado ao outro. Desenha 8 linhas paralelas a estas subdivisões, separadas de 5mm, correspondente à espessura das velas (observa a imagem).

círculo

 

3. Em cada uma destas 8 subdivisões, corta uma fenda com 2.5cm de profundidade, para encaixe das velas (observa a imagem).

círculo


 

4. Colocar as velas no disco círcular

 

velas

utiliza cola de madeira para as fixar (observa as imagens)

 

velas

 

5. Arranja um pau de vassoura (40cm) para fazer de eixo do moinho. Na outra ponta fixa uma cauda, feita de contraplacado (15cmx15cmx4mm). Arranja um parafuso de madeira (5cm de comprimento e 3mm de diâmetro), passa-o por uma anilha (3mm de profundidade com 3cm de diâmetro), depois buraco do disco circular, depois por outra anilha (um tubo de metal colocado no buraco do disco circular pode melhorar a rotação).

 

moinho

Aparafusa-o à outra ponta do pau de vassoura (eixo do moinho), de maneira a não impedir a rotação do moinho. Finalmente encontra o ponto de equilíbrio do moinho (balança-o num dedo até equilibrar-se). Encontrado o ponto de equilíbrio faz um buraco de 4mm de profundidade no pau de vassoura e fixa-o a outro pau que fará de suporte do moinho (observa as imagens). 

 

moinho

Fonte: Creative Science Center

Saber mais...

Moinhos de vento em papel

Energia Eólica - Wikipédia

Assuntos do blog:

publicado por ana às 15:09

link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 7 de Abril de 2009

O “calor das cores”

O “calor das cores”
 
          A temperatura das cores, designa a capacidade que as cores têm de parecer quentes ou frias à nossa percepção. Na realidade, cria-se uma ilusão ou efeito psicológico que nos apresenta uma sensação de quente ou frio.
 
 
 
 
 
 
 
 Quando se divide o circulo cromático ao meio, cortando o amarelo e o violeta, percebe-se que os vermelhos e os laranjas do lado esquerdo, são cores quentes, vibrantes. Do outro lado são cores frias, os azuis e verdes, que transmitem sensação de repouso e tranquilidade.
 
 
 
 
 
Cores quentes, sugerem calor, sol, verão, aproximação, calor humano, alegria , vida, etc.
  
          Cores frias sugerem frio, tempo nublado, sombras, inverno, afastamento, indiferença, morte. Criam ilusão de profundidade.
 
  
          Uma cor secundária ( mistura de duas cores primárias ) quando observada, podemos notar que ela poderá tender para uma cor fria ou quente dependendo da quantidade de um pigmento ou outro.
 
 
 
 
 
 
          Se juntarmos ao verde mais amarelo ( cor quente ) teremos um verde amarelado, luminoso, mais vibrante, podendo ser considerado uma cor quente.
          Se adicionarmos mais azul ( cor fria ) o verde será azulado, portanto frio.
 
 
 
 
 
 
          Havendo um predomínio do vermelho ( cor quente ) na sua composição, o violeta será uma cor mais quente. Se adicionarmos azul, continuará frio.
 
 
 
 
 
          Cores neutras
 
          Este nome é normalmente dado aos tons cinzentos ou cores que contenham cinza ou preto na sua composição.
          As cores neutras, são as cores obtidas misturando pigmentos de cores complementares ou misturando duas cores secundárias.
  
 
Roxo + Verde = Terra de siena queimada
 
  
Laranja + verde = Terra de siena natural
 
 Com estas misturas obtemos os cinzas cromáticos:
 
- Azul + Laranja
 
- Amarelo + Roxo
 
- Magenta + Verde
 
- Roxo + Laranja
 
          As tonalidades de cinza podem variar em função da quantidade de cada cor empregue.
          Na harmonia da cor, as cores neutras são muito importantes, não criam contraste com as outras cores ou entre si.
          Não atraem tanto a atenção como as cores primárias e secundárias e muitas vezes passam despercebidas. Elas descansam a vista depois de um estímulo causado por um contraste.
Os cinza cromáticos são também quentes ou frios, dependendo da cor predominante na mistura. Exemplo: quando se mistura amarelo e roxo, o cinza será quente, se a mistura tiver mais amarelo, será frio.
 
 
 
 
Nesta fotografia há várias tonalidades de cinza cromático.
É um exemplo da natureza no entanto o artista utiliza estes princípios, para dar á sua obra efeitos muito interessantes.
 
 
 
 
 
 
 
Harmonia monocromática
 
Brincando com uma cor, adicionando-lhe o branco ou o preto, criamos várias tonalidades valorizando a sua harmonia monocromática.
 
 
Podem ir do vermelho puro ao branco, adicionando branco.
 
 
Ou do vermelho puro ao preto, adicionando-lhe preto.
 
O branco ou o preto é sempre o ponto extremo de uma escala cromática. Adicionando-os a uma cor altera-se a sua luminosidade.
As cores podem ser separadas em claras e escuras quanto ao seu brilho. Quanto maior a quantidade de branco mais intenso é o seu brilho.
 
 
Harmonia policromática
 
È a combinação de várias cores numa mesma obra, por exemplo: vermelho, amarelo, azul e verde.
 
 
 
 
 
 
 
O artista ( Kandinsky – 1925 ) criou um diálogo entre os elementos geométricos e as cores.
 
 
 
 
 
O excesso de cores pode criar uma sensação de fadiga, há que haver uma combinação equilibrada com cores neutras à mistura para que o olhar possa “descansar” do excesso de estimulo visual.

 

SIMBOLISMO DAS CORES
 
 
 
Os efeitos simbólicos e psicológicos evocando emoções, estão associados aos efeitos da cor. Quando elas são combinadas com as formas, este poder aumenta.
O vermelho e as suas tonalidades lembram-nos fogo ou sangue. Numa imagem onde esta cor é predominante, jamais é associada ao frio, à escuridão ou à pureza e à serenidade.
  
           Culturalmente o simbolismo das cores pode variar, assim algumas culturas usam o branco como luto, enquanto outra usam o branco para festas e casamentos.
 
O vermelho e o laranja estão relacionados com o calor, com a paixão e a violência. Mas também são cores estimulantes do apetite.
          O amarelo transmite alegria e energia como a luz do sol.
          O roxo e outros tons de violeta estão associados à morte e fazem parte de cultos religiosos, mas também dão ideia de nobreza.
          O verde transmite calma, recuperação de energias, ele é a cor da natureza.
 
          O marrom lembra a terra, as raízes e está associado ao conservadorismo.
          O preto dá uma ideia negativa, pois está associado à escuridão, morte, ausência de cor mas também pode ser luxuoso.
                       O azul é repousante, a cor mais calma e também a mais emocional. Pode ser a cor do céu e do mar, o azul sugere ar, espaço e profundidade.
          O branco é luz e dá a sensação de pureza.
          O rosa é feminino, inocente e lúdico.
Assuntos do blog:

publicado por ana às 11:19

link do post | comentar | favorito

Este Blog dedica-se à postagem de fotos,artigos e videos que circulam livremente na internet. Qualquer anomalia ou problema de funcionamento e/ou copyright não é da responsabilidade deste Blog, dado que o mesmo se baseia em hiperligações ou links. Eventuais reclamações e outras solicitações deverão ser feitas unica e exclusivamente nas respectivas fontes de origem. Ana Márcia

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.Assuntos do blog

. 25 abril

. a cor mais quente?

. actividades

. as mulheres na história da arte

. calouste gulbenkian

. colecções de arte

. como se faz pastilha elástica

. desafios

. desenhar e brincar com as letras

. diverte-te

. dobragens

. eco - eficiência energética

. educação tecnológica 9º ano

. et

. et 7º ano

. et 8º ano

. ev 7º

. ev 8º

. ev 9º ano

. evt 5º e 6º

. fichas

. fotografia a cores....

. glossário de termos de arte

. joan miró

. jogos

. links e webquests

. locais a visitar

. luz/cor

. metrologia | medidas

. moinho de vento

. mulheres pintoras

. o “calor das cores”

. papagaio de papel

. papel milimétrico

. pilhas artesanais

. pop art

. queres saber como

. seria...

. testes

. unidades de trabalho

. van gogh

. visão

. visitas virtuais

. todas as tags

.arquivos

. Outubro 2013

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

Coloque-nos as suas questões

se quiseres

dar sugestões

manda-me

um mail

 

    

 

 ARTEHISTORIA, LA WEB DEL ARTE Y LA CULTURA EN ESPAÑOL

 

[ Retábulo, 43 Kb ]

se quiseres

dar sugestões

manda-me

um mail

TÉCNICA DE ARTES

TÉCNICA DE ARTES
colagem
 
 

TÉCNICA DE ARTES 
desenho sobre lixa

 
 
TÉCNICA DE ARTES
desenho com hidrocor
 
TÉCNICA DE ARTES
pintura com nanquim
 
 

TÉCNICA DE ARTES 
desenho com caneta

 
 

TÉCNICA DE ARTES 
desenho com giz

molhado

 

 

TÉCNICA DE ARTES
desenho livre

 
 

TÉCNICA DE ARTES 
colagem com tecido

 
 
TÉCNICA DE ARTES
desenho no paint (PC)
 
 

TÉCNICA DE ARTES 
montagem

TÉCNICA DE ARTES
pintura no prato
 
TÉCNICA DE ARTES
pintura com os dedos
 
 

TÉCNICA DE ARTES 
colagem materiais

 diversos

 

 

TÉCNICA DE ARTES
dobradura

 
 
TÉCNICA DE ARTES
pintura sobre tela
 
 

TÉCNICA DE ARTES 
desenho dirigido

 
 

TÉCNICA DE ARTES 
guache branco

sobre nanquim

 
 

TÉCNICA DE ARTES 
desenho com guache

 
 

TÉCNICA DE ARTES 
monotipia

 
TÉCNICA DE ARTES
pintura aguada
 
 

TÉCNICA DE ARTES
nanquim lavado

e guache

 
TÉCNICA DE ARTES
mosaico
 
 

TÉCNICA DE ARTES 
impressão da mão

 
TÉCNICA DE ARTES
impressão dos dedos
 
 

TÉCNICA DE ARTES
colagem com

bolinhas de papel

 crepom

 
 

 

ARTES

ARTES
Receita de massa de modelar
caseira: 1 xícara farinha de trigo
, ½ xícara sal, ½ xícara água,
¼ xícara vinagre, ¼ xícara guache

 

DESENHO/PINTURA

 

 

LIVROS DE ARTISTA

  •  

ARTE em geral

 

 

esculturas

objectos criativos

arquitectura

 

teatro / dança

 

Fotografia

Geometria

 


ANIMAÇÃO


 

DIDÁTICOS

 

AMBIENTE

ORIGAMI

DESIGN

              ALIMENTAÇÃO

Água e farinha

 

     

WEBQUESTS

 

          Barrelas

       
  Construções Geométricas

       
  A magia da cor
 
       
  Estudo da luz e da cor

       
  E V T - O Módulo e o Padrão

       
  Reciclagem

Liga os pontos

Liga os pontos
 
 Pinta
RSS